Voltar

2011
Sabará, MG
2.000 m²

Colaboradores: JM Souto Engenharia e Consultoria Ltda.
A obra de modernização do traçado ferroviário no +B15 (trecho que liga as cidades de Belo Horizonte e Sabará) tinha como consequência negativa a produção de uma série de espaços urbanos residuais. Estes seriam tratados inicialmente como simples atalhos para travessias de pedestres através de passarelas integradas a alguma forma de urbanização e paisagismo. A fim de agregar mais benefícios aos usuários, foram propostas ao cliente intervenções que possibilitassem apropriações mais nobres destas sobras de terrenos. A proposta foi aceita com a premissa de que fossem intervenções de baixo custo construtivo. O custo de manutenção deveria ser outra premissa do projeto, uma vez que o poder público seria o responsável por realizá-la. Assim, estes simples atalhos naturais de pedestres foram transformados em pequenas praças de lazer, proporcionando mais segurança e qualidade de vida para as comunidades limítrofes.

Urbanização em Sabará